Decisões...






Não há como fugirmos das decisões difíceis, pensando nisso hoje tomamos uma decisão que a dias vinhamos adiando...se iriamos entra no clima do natal. Como a maioria já sabe eu e meu marido estamos juntos a mais ou menos quinze anos, viemos os dois de famílias pobres e entre tantas coisas na lista de "nós não tivemos" está uma arvore de natal enorme com muitos presentes , claro que nunca foi falta de vontade de nenhum de nossos pais com certeza mas mesmo assim uma criança não é marcada por situações financeiras ou dificuldades de adultos, sendo assim fomos os dois marcados por nunca ter tido um dezembro inteiro em clima de natal. Quando compramos a nossa casa (eu estava de quatro meses de gravidez) fizemos muitos planos para muitas datas, como falei eu queria sempre incentivar que a Helena acreditasse em coisas boas, queria muito que ela até certa idade pudesse somente ver o lado bom da vida e ter sempre a chama da esperança em dias melhores,  pensando nisso conversamos por longas horas
eu e o alemão sobre como faríamos o primeiro natal da nossa pequeninha, nós sabíamos que iriamos estar em uma situação difícil monetariamente falando, mas eu ficava muito animada só de imaginar ela fazendo bagunça com os presentes e puxando as bolinhas da arvore de natal (risos), sonhei por muitos dias em fazer meu primeiro natal em família, minha família, pensei desde velas para mesa, pinheiro, presentes, imaginei tudo na minha cabeça, e é claro que o enfeite de porta não poderia faltar. Como já disse milhões de vezes, nunca passou pela minha cabeça a hipótese do que aconteceria, acho que é normal do ser humano acreditar que é dono de sua própria vida, sendo assim nunca imaginei não pensar em um tempo tão distante afinal poderia que Deus tivesse outros planos, sabe aquele ditado "de pensar morreu um burro"?poizé eu morreria porque penso muito tempo antes de qualquer coisa, sou muito sonhadora, as vezes isso até me prejudica. Então como você já sabem o que aconteceu com a Helena, ficamos eu e meu marido com um monte de datas que não sabemos bem o que fazer, o natal acredito ser uma das mais difíceis, não sabíamos se iriamos fazer natal ou não, conversamos algumas vezes e hoje tomamos uma decisão, na realidade não sei bem porque, se porque ela ficaria feliz, (afinal se ela estivesse aqui era o que iriamos fazer) ou porque não adianta querermos fugir a vida toda, não sei mesmo o que nos motivou mas hoje pendurei na porta o nosso enfeite de natal, quem passar na rua verá que mesmo longe de nosso amor ainda queremos ser presenteados por Deus com a renovação da fé e de nossa esperança. Encontrei esse lindo conto de natal que fala sobre esperança, espero que gostem, quando li me emocionei e acredito ser assim mesmo.

Blog de rafaelababy : ✿╰☆╮Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄ƷTudo para orkut e msn, Barrinhas divisorias de Natal

As Quatro velas

Quatro velas estavam queimando calmamente.O ambiente estava tão silencioso que podia-se ouvir o diálogo que travavam.A primeira disse:- Eu sou a Paz! Apesar de minha luz as pessoas não conseguem manter-me, acho que vou apagar. E diminuindo devagarzinho, apagou totalmente. A segunda disse:- Eu me chamo Fé! Infelizmente sou muito supérflua.As pessoas não querem saber de Deus. Não faz sentido continuar queimando. Ao terminar sua fala, um vento levemente bateu sobre ela, e esta se apagou. Baixinho e triste a terceira vela se manifestou:- Eu sou o Amor! Não tenho mais forças para queimar. As pessoas me deixam de lado, só conseguem se enxergar, esquecem-se até daqueles à sua volta que lhes amam. E sem esperar apagou-se. De repente… entrou uma criança e viu as três velas apagadas.
- Que é isto? Vocês deviam queimar e ficarem acesas até o fim. Dizendo isso começou a chorar. Então a quarta vela falou:- Não tenhas medo criança, enquanto eu queimar podemos acender as outras velas, eu sou a Esperança! A criança com os olhos brilhantes pegou a vela que restava e acendeu todas as outras.” 

QUE A VELA DA ESPERANÇA NUNCA SE APAGUE DENTRO DE NÓS…




2 comentários:

  1. Lindo conto...emocionante acredito tbem na esperança somente ela faz com q possamos continuar...e que dias melhores virão. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Katia que Deus abençoe você e sua família e como minha amiga Eliane diz, beijos com asas

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...